Get the look: Corpão de Angel

Quem não quer ter um corpo digno de angel?? Mas, acredite se quiser: pegar leve com a intensidade dos exercícios é a chave do sucesso do método desenvolvido por Key Son, treinador responsável por ter ajudado a esculpir os corpos de mais de 150 modelos em duas décadas e que atualmente cuida, entre outras, da angel Doutzen Kroes e da top Daria Werbowy.


Depois de anos de observações e tentativas, a teoria do guru – formado pela Universidade de Cornell e membro da Ivy League – é de que não existe nada mais eficaz para deixar o corpo das tops elegante e seco na medida como exercícios de baixo impacto, com repetições de séries que simulam movimentos básicos do dia a dia, como puxar, alcançar e, é claro, caminhar. “Trabalho principalmente com modelos e atrizes que querem se preparar para filmes e comerciais. Nessas indústrias, todas querem ombros estruturados, cintura seca e fina, longas e finas pernas e quadris tonificados. Por isso, mantenho distância de exercícios que aumentam o volume. E como o tempo costuma ser corrido para todas elas, criei uma rotina que combina exercícios específicos para moldar o corpo durante um treino que também exige resistência. E um cardio muito leve”, explicou ao Into The Gloss.

Mas, afinal, como a técnica funciona? Esqueça agachamentos e pulos, que aumentam coxas e pernas. Spinning também não é indicado por estimular demais os músculos exteriores da coxa e a perna toda. “Correr pode até ser benéfico para algumas pessoas, mas isso pode variar. Se a pessoa tiver as pernas mais curtas do que o torso, recomendo caminhada. 30 ou 45 minutos para começar, duas a três vezes por semana, até atingir 60 minutos de três a quatros vezes semanais. Com passo rápido e consistente, mas não correndo. E jamais com inclinação, você não pode aumentar o volume das panturrilhas”, avisa.


Para o professor, toda aula deveria ter os seguintes componentes: aquecimento e exercícios de flexibilidade; séries para coordenação e equilíbrio (“é uma ótima forma de alterar a composição corporal porque demanda o uso de maior número de músculos e, portanto, queima calorias”); treinamento de força (“use algum tipo de resistência ou peso para aumentar a eficácia de movimentos como puxar e empurrar. Aumenta massa magra, diminui gordura e até melhora densidade óssea”) e estabilização do fortalecimento do torso/abdome (“Sempre murche a região abdominal para melhorar a postura e maximizar sua força e resistência. Esse fortalecimento te permite movimentar-se de forma melhor”). A boa nova é que, segundo Key Son, esses quatro passos podem mudar sua vida. “Se você incorporar essas quatro coisas você será bem sucedido com qualquer tipo de rotina atlética”, finaliza. Vai testar?



Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s